fale conosco

ConJur

13/02/2019

FONTE: ConJur - Matéria acessada em 13/02/2019

É prerrogativa do advogado o acesso a documentos em investigação fiscal para garantir a defesa de seus clientes em atenção aos princípios do devido processo legal, contraditório e ampla defesa.

Esse foi o entendimento aplicado pela Justiça Federal ao determinar que a Receita dê acesso a advogado a documentos de denúncia anônima que gerou multa a uma empresa. A sentença é do juiz Paulo Cezar Duran, da 11ª Vara Cível Federal da 3ª Região.

Leia na íntegra: https://bit.ly/2S4nXFC

Fale conosco
Fale conosco